Bigorna

Se estiverem com um problema e precisarem de ajuda, este é o sítio para perguntar.

Bigorna

Mensagempor Falcato » segunda Oct 15, 2012 3:00 pm

Boa tarde.

Tenho meio problema resolvido, ao que me parece: tenho a bigorna (anda entre os 40Kg e os 50kg) mas não me parece que esteja temperada, dado que à mínima martelada ela deixa marca na bigorna.
Já vi na Net vídeos alusivos ao tema, mas não sei se algum dos companheiros já teve uma intervenção do género.
Pelo que me apercebi, a bigorna tem que ir ao lume e perder o magnetismo e só de pois pode ir à água. Como o meu amigo Leonel foi a banhos ( o velhote anda feito um galdério... :-) ) gostaria de obter toda a informação possível para tentar resolver eu a questão. Caso alguém saiba algo sobre o assunto, agradeço a partilha.
Obrigado.

Cumprimentos!
Falcato
 
Mensagens: 141
Registado: quinta jun 21, 2012 11:09 pm

Re: Bigorna

Mensagempor Anvilfolk » segunda Oct 15, 2012 5:22 pm

Falcato, mudei este tópico para aqui, que o outros é mais sugestões em relação ao fórum em si :) Espero que não haja problema!

Primeiro - parabéns pela bigorna! :)

Quanto a isto tenho pouca informação infelizmente... e é capaz de ser difícil arranjar essa informação. A bigorna pode, ou não, ter uma mesa de aço mais duro no topo. Acho difícil que tenha perdido a têmpera, portanto pode ser mesmo feitio dela.

Se for aço e quiseres endurecer, convém ter mesmo muito cuidado. Há um risco muito elevado de estragar a bigorna, talvez permanentemente. A minha sugestão seria ou arranjar quem soubesse muito, muito bem o que está a fazer ou então trabalhar numa zona da bigorna que fica com marcas, e quando houver mais controlo passar para uma zona mais lisa.

Aproveito para dizer que é normalíssimo a bigorna ir ficando com e sem marcas durante o seu uso habitual. Não é suposta ficar com grandíssimas marcas, ou muito profundas, mas com marcas fica. Acontece muito quando se está cansado ou com falta de prática, como é o meu caso!

Se conseguires arranjar umas fotos talvez ajudasse a tentarmos perceber se há de facto algo errado com a bigorna.
João Martins
Avatar do Utilizador
Anvilfolk
 
Mensagens: 812
Registado: quinta jul 03, 2008 1:40 am
Localização: Lisboa, Portugal

Re: Bigorna

Mensagempor Falcato » terça Oct 16, 2012 1:18 pm

Anvilfolk Escreveu:Falcato, mudei este tópico para aqui, que o outros é mais sugestões em relação ao fórum em si :) Espero que não haja problema!

Primeiro - parabéns pela bigorna! :)

Quanto a isto tenho pouca informação infelizmente... e é capaz de ser difícil arranjar essa informação. A bigorna pode, ou não, ter uma mesa de aço mais duro no topo. Acho difícil que tenha perdido a têmpera, portanto pode ser mesmo feitio dela.

Se for aço e quiseres endurecer, convém ter mesmo muito cuidado. Há um risco muito elevado de estragar a bigorna, talvez permanentemente. A minha sugestão seria ou arranjar quem soubesse muito, muito bem o que está a fazer ou então trabalhar numa zona da bigorna que fica com marcas, e quando houver mais controlo passar para uma zona mais lisa.

Aproveito para dizer que é normalíssimo a bigorna ir ficando com e sem marcas durante o seu uso habitual. Não é suposta ficar com grandíssimas marcas, ou muito profundas, mas com marcas fica. Acontece muito quando se está cansado ou com falta de prática, como é o meu caso!

Se conseguires arranjar umas fotos talvez ajudasse a tentarmos perceber se há de facto algo errado com a bigorna.



Boa tarde.
Tu muda à vontade, João. Até porque este é o local certo para colocar esta questão. Sem problema :-)

Em relação à bigorna, já falei com o Mestre Leonel e logo vamos decidir o que fazer.
Como o corno e a pirâmide estão largas (os topos estão pouco afilados), vamos começar por tratar disso e depois pensar na maneira de a temperar, porque vai ter que ser temperada.
Quando se proceder a esta operação, farei por a documentar e divulgar, pois creio ser matéria de interesse. É sabido que há bigornas à venda, mas o saber não ocupa lugar e nem sempre a nossa carteira nos permite a sua compra.
Como esta me foi oferecida, poder conseguir temperá-la e saber fazê-lo, vai dar-me um gozo extra. Quem sabe isso não acontecerá com outro companheiro e assim saber como fazer.

Abraço
Falcato
 
Mensagens: 141
Registado: quinta jun 21, 2012 11:09 pm

Re: Bigorna

Mensagempor caotropheus » quarta Oct 17, 2012 4:32 am

Falcato,

Parabéns pela bigorna. Sabes que se não colocas fotos, quanto a nós, ainda não tens nenhuma bigorna... :twisted:

Se colocares fotos pode ser que eu possa identificar mais ou menos a origem da bigorna e tentar saber se pode ser temperada ou não. Tal como o Anvilfolk disse, pode ser que a bigorna seja construída mesmo em aço macio ou até mesmo ferro fundido. Podes saber se tens um bloco de aço se deres uma martelada e a bigorna tocar como um sino. Apesar de existirem bigornas de boa qualidade com o bloco em ferro fundido e a mesa de trabalho em aço de ferramentas, as bigornas em ferro fundido devem ser evitadas. Existem bigornas com origem na China e na Rússia que parecem razoáveis, mas são todas feitas em aço macio e com ressalto relativamente baixo. No entanto a superfície pode ser endurecida e transformar essas bigornas em excelentes ferramentas de trabalho. Agora, para saber se existe alguma dureza na mesa da bigorna tens que fazer um teste de ressalto de uma esfera de um rolamento. Olha para os vídeos deste link, e diz-nos quais os resultados. Eu por exemplo tenho uma placa de aço macio com 175 com 75 mm de espessura que poderia usar como bigorna, mas não uso! O aço é tão macio que o ressalto não é mais do que 20 %. Uso apenas esta placa para endireitar peças após a forja.

viewtopic.php?f=10&t=1563

http://www.youtube.com/watch?v=G357NuNKSb0

http://www.youtube.com/watch?v=ZikpKo0h1Uk

Agora temperar a face uma bigorna é uma história completamente diferente e não sei se está ao alcance de recursos domésticos. Em primeiro lugar é necessário uma quantidade enorme de combustivél para aquecer uma massa grande de ferro e segundo é necessário um tractor para carregar a bigorna e um rio, ribeiro ou barragem para para arrefecer de forma rápida uma quantidade tão grande de aço... :roll:

http://www.youtube.com/watch?v=b5noM1NnXeE
Avatar do Utilizador
caotropheus
 
Mensagens: 332
Registado: terça dez 27, 2011 3:58 am

Re: Bigorna

Mensagempor Anvilfolk » sexta Oct 19, 2012 5:43 pm

Excelente contribuição do Caotropheus.

O tempo que aquilo demora a arrefecer! :shock:
João Martins
Avatar do Utilizador
Anvilfolk
 
Mensagens: 812
Registado: quinta jul 03, 2008 1:40 am
Localização: Lisboa, Portugal

Re: Bigorna

Mensagempor Falcato » segunda Oct 22, 2012 1:03 pm

Boa tarde a todos.
O meu obrigado pelas indicações/sugestões enviadas.

Antes de mais e com a opinião do Leonel, a malfadada é de ferro, pelo que tenho duas ou três opções:

1ª Esquecer que ela existe;
2ª Temperar mas com a noção que pouco mais rija ficará;
3ª Fazer um recobrimento, de várias passagens, com "electrodos duros" (assim se chamam aos que são usados para soldar as pás das rectroescavadoras e afins), rectificar e polir, o que me custará cerca de 15 dias de trabalho. Não será uma bigorna de aço, mas o resultado será semelhante.
Só não sei ainda quanto custam os eletrodos e é essa a única peça que me falta para o puzzle ficar completo.

Vamos ver o que dá...
Falcato
 
Mensagens: 141
Registado: quinta jun 21, 2012 11:09 pm

Re: Bigorna

Mensagempor Anvilfolk » segunda Oct 22, 2012 4:14 pm

Ui!...

Se tiverem acesso a uma tocha de oxi-acetileno talvez dê para aquecerem um cantinho da mesa da bigorna, arrefecê-lo com água e dar-lhe uma marretada. Se não partir ou rachar será ferro...

De qualquer maneira continua a ser um valente pedaço de ferro - servirá de bigorna até outra oportunidade surgir.

Estou agora também e relembrar-me do aço hardox que já foi aqui discutido. A pergunta seria se não daria para soldar uma chapa de hardox (ou aço ao carbono) à bigorna, depois de ter sido rectificada. Talvez custe menos e dê menos trabalho!
João Martins
Avatar do Utilizador
Anvilfolk
 
Mensagens: 812
Registado: quinta jul 03, 2008 1:40 am
Localização: Lisboa, Portugal

Re: Bigorna

Mensagempor caotropheus » terça Oct 23, 2012 4:36 am

Anvilfolk

Soldar aço é um procedimento completamente diferente de soldar ferro. O aço exige tratamentos térmicos antes da soldadura e após a soldadura e o uso de electrodos mais caros. A soldadura tem que ser feita entre 100% das superficies a "pegar" uma à outra, o que implica fazer chanfros muito fundos, estar horas e horas a soldar e requer o uso de máquinas de soldar industriais de grande potencia e electrodos de diametro elevado... :(

Parece-me mais simples para recursos domésticos a solução de usar "electrodos duros", dar 3 passagens sobre a face da bigorna e usar uma rabarbadora para alisar a superfície. Mesmo assim vai ser um trabalhão tremendo.

Falcato, eu não iria deixar esta oportunidade passar e iria usar esta última solução.
Avatar do Utilizador
caotropheus
 
Mensagens: 332
Registado: terça dez 27, 2011 3:58 am

Re: Bigorna

Mensagempor Anvilfolk » terça Oct 23, 2012 9:09 am

Não tinha noção que soldar aço ao carbono fosse assim tão diferente... bolas :(
João Martins
Avatar do Utilizador
Anvilfolk
 
Mensagens: 812
Registado: quinta jul 03, 2008 1:40 am
Localização: Lisboa, Portugal

Re: Bigorna

Mensagempor Falcato » quinta Oct 25, 2012 1:04 pm

Boa tarde a todos.

Este fim de semana começarei a tratar da bigorna.
Aproveito para informar que, segundo indicações de uma empresa que comercializa o Hardox, o mesmo não serve os propósitos que eu lhe queria dar: "forrar" a bigorna com chapa, pois quebra à percursão. Vendo o peixe tal como me foi vendido a mim, tendo a noção que estariam a ser verdadeiros, dado que era do interesse deles comercializar o próprio produto.

Acrescento ainda que para efectuar a soldadura com electrodos duros, a sup+erfície a soldar deve ser préviamente aquecida, pois se assim não for, vai rachar, com toda a certeza. Assim sendo, primeiro irei efectuar uma camada geral com electrodos "básic", que são mais duros que os "normais (conhecidos também por Numal, ou 6013) e só depois com os duros.

Tenho a perfeita noção que me arranjaram um camadão de nervos e dois camadões de trabalhos, mas espero que daí advenha um resultado satisfatório e gratificante em termos de aprendizagem. Se a coisa não resultar... Bem, se não resultar, ficará para memória futura e como ensinamento, também.

Abraço

:-)
Falcato
 
Mensagens: 141
Registado: quinta jun 21, 2012 11:09 pm

Próximo

Voltar para Ajuda



Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado